quarta-feira, 17 de março de 2010

aniversário do Izaque Tavares (amigo de escola)

Pela primeira vez o meu Yuri participou de uma aniversário sozinho, foi na escola onde o amiguinho de turma dele Izaque Tavares é assim que o Yuri fala, pois existe outro Isaque na sala, então já esta aprendendo a pronunciar o sobrenome, a primeira vez que ouvi não acreditei, mais quando verificamos na lista que fizemos com os dados de toda a turminha, confirmamos que ele estava falando corretamente os sobrenomes. Então o Izaque Tavares foi o primeiro da turma a comemorar aniversário  isso foi no dia 03/03, eu ainda estava de férias. Na escola deles funciona da seguinte maneira, os pais mandam o bolo, sacolinha surpresa, doces e o que mais quiser, porem não podem participar, então eles enviam a maquina fotográfica tambem. Eu e outras mães de primeira viagem de escola ficamos na duvida se mandariamos o lanchinho ou não, eu resolvi mandar, mais já aprendi quando tiver festa não mandar nada, pois voltou tudo e quando tirei o casado percebi que ele tinha comido na festa, a camisa era toda suja de chocolate. A festa foi um sucesso entre as crianças, no final todas elas com as sacolinhas supresas na mãos querendo comer tudo que tinha dentro. O Yuri foi até em casa falando sobre o aniversário, quando cheguei em casa conferi na maquina fotografica, que claro mandei para registrar os momentos.


segunda-feira, 15 de março de 2010

12 anos de casados

Ontem dia 14/03/2010 comemoramos 12 anos que estamos casados. Resolvemos comemorar essa data junto com o nosso lindo Yuri em Nova Friburgo, onde aproveitamos bem o fim de semana e o Yuri também gostou muito, apesar de estar em uma fase muito difícil de birras e pirraças fora todas as bagunças que ele faz, mas é assim mesmo. Temos noção que casamento não é algo fácil, depende de muitas vezes abrir mão, entender o outro, saber compreender e acima de tudo amar muito, pois caso o contrário o casamento acaba. Sabemos que a rotina do dia a dia está no casamento, porem procuramos sempre fazer alguma coisa para melhorar a situação é quando os filhos chegam ai que muda tudo. Eu e o Dionisio ficamos 9 anos sem filhos, então a nossa casa não era preparada para filhos, do jeito que a casa ficava na parte da manhã permanecia à noite. Esse dia estava dando uma olhada na minha sala, e a parte debaixo da minha estante agora têm de decoração vários brinquedos, no meu quarto sempre encontro um carrinho e fora o Yuri nas madrugadas a visita na nossa cama para ficar juntinho.


Hoje vindo para o trabalho pensei nesses 12 anos, quanta coisa aconteceu, coisas boas, ruins e outras ótimas, em resumo crescemos muito durante esse tempo e mais ainda nesses últimos 2 anos com a criação do Yuri que nos exige aprender mais e mais. Tenho a agradecer a Deus por estar sempre em nossas vidas e podermos falar "Eu e minha casa servimos ao Senhor" isso faz toda a diferença na família.




terça-feira, 2 de março de 2010

continuando com a adaptação na escola

Depois do carnaval tirei 15 dias de férias para continuar o trabalho do Dionisio de adaptação na escola que estava muito dificil. O Yuri retornou para a escola dia 22/02 e logo que ele acordou já fui falando que iriamos para a escola mais ele sempre repetindo que iria chorar, tudo bem, fui com o  meu coração apertado do que iria acontecer, muito choro, mais foi com a professora, nesse dia fiquei por perto da escola mais decidida de não leva-lo antes do horário previsto de 16:45, as 15:00 fui chamada na coordenação e a piscologa disse que ele chorava o tempo todo e não tirou a mochila das costas, mais que a decisão seria minha, e eu decidi que ele ficaria ate o final, deu uma olhadinha de longe e reconheci um choro que não era de sofrimento, mais uma maneira que ele arrumou de sair antes. Na saida veio ele chorando e isso ocorreu a semana inteira em meio de alguns vomitos para o meu desespero que andava com um saquinho a caminho da escola, mais logo liguei para o pediatra e começamos a dar o digesan, mais não adiantou no outro dia a mesma situação, então trocamos para o dramin e ai resolveu. Na sexta feira a primeira vez que vi o meu filho saindo da escola sem chorar e na segunda entrou sem chorar tambem e assim tem acontecido na  semana. Segundo a professora ele so tem chorando depois do lanchinho as 15:00, ainda não entendi essa situação dele, mais as outras eu entendi bem, o medo do novo a insegurança de tudo que estava acontecendo, mais o meu filho e muito esperto e quando ve uma situação que não agrada ele arruma uma maneira de sair fora, o choro ele já me avisa antes de ir para a escola "mamaezinha o Yuri vai chorar muito hoje" ou o dia que ele vomitou e me disse "estou sujo vou para casa" e outras situações para atrasar, vai entender o que uma criança hoje 2 anos e 5 meses pensa, acabei percebendo como eles são espertos. O Yuri ficou encantado com o meu trabalho e como esta no post anterior as fotos, então conversei com ele que todos em casa trabalhavam, que a mamãe em um lugar o papai em outro e que o Yuri era na escola. Na semana passada a professora me contou um fato engraçado isso aconteceu na quarta-feira, segundo ela, o Yuri observou tudo que ela fazia e viu que no final ela sempre troca a fralda de quem usa e escova os dentes e depois eles são liberados, então ele chegou na sala chorando e  depois pediu a mochila , ela deu e para a sua surpresa ele pegou a fralda e a escova de dentes e a entregou, ai ela disse que ainda não seria aquele momento que ele ainda não tinha feito nenhum trabalho, ele começou a chorar pedindo o seu trabalho que queria trabalhar, ela disse que a cena foi muito engraçada, e ela não perdeu tempo e deu os trabalhos onde ele fica por horas todo feliz.   
Em resumo as minhas férias estão acabando e eu estou feliz com o tempo que fiquei para ajudar o meu filho nessa etapa dificil para ele, a cada dia ele esta melhorando e ficando mais confiante.